PROPAGANDA

Confirmado nesta quinta-feira (29), pelo Consulado Geral do Brasil em Paris, uma das vítimas do atentado na basílica Notre-Dame era a brasileira Simone Barreto Silva, de 44 anos, nascida em Salvador (BA).

Simone Barreto Silva, de 44 anos. Morreu devido ao ataque à Basílica de Nice. Foto/Reprodução: Facebook Pessoal da Vítima/Simone Barreto
Segundo entrevista prestada por uma prima para a rádio publica francesa RFI, Simone foi ferida a faca e morreu em um restaurante quase em frente à catedral, quando tentou se abrigar. Ela estava na França por 30 anos e deixou três filhos.
Brahim Jelloule, um dos proprietários do restaurante onde Simone chegou completamente ensanguentada, contou à TV France Info – ainda em estado de choque:
“Ela atravessou a rua, toda ensaguentada, meu irmão e um de nossos funcionários que a resgataram, colocaram-na no interior do restaurante, ela dizia que havia um homem armado dentro da igreja”.
O irmão de Jellloule e o funcionário chegaram até a entrar na igreja, porém viram o homem que estava armado com a faca, foram ameaçados e saíram de lá correndo. Eles quem chamaram a polícia. Segundo Jelloule, Simone morreu aproximadamente uma hora e meia após ter sido ferida. Tendo o atentado ocorrido às 9h da França (6h da manhã no horário de Brasília).

Sendo mulçumano, Jelloule declarou estar chocado com o atentado: “Isso não é o Islã. Eu conheço e sigo o Corão de cor, e não é isso que ele prega”, disse.

PROPAGANDA

Por Felype Oliveira

Felype Oliveira é criador do Café com Net, além de administrar a revista digital, também atua como social media, web designer e roteirista.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *